quarta-feira, 29 de junho de 2011

Custe a entender

Pena?
Hábito, constante
Falta?
Discernimento, conhecimento talvez

Igual a Durabilidade
É futilidade ligada ao eterno, impossível.
Fases das quais,
Tu tentas eternizar

E evitar o que está por vir
É pular uma etapa
Boa ou ruim,
Porém bobeira tua

Vá com calma,
Vingará se for...
Chamas de amor?
Não basta durabilidade

É parte de um hábito
Gostamos do conhecer,
Fechados ao não,
Tentamos repreender o negado

Quem garante que o negando
Será melhor!?
Entenda o tempo,
Ele custa a entender.

Bobeira sendo,
Paixão talvez.
E o amor?
Parte de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário